Tipos de Origami

Postado por Adriana Higa às 23:52

Como toda arte que se desenvolve durante muito tempo, o origami ganhou novas técnicas e formas de dobrar. Além disso, com o uso de cortes e colagem, o leque de possibilidades criativas se tornou ainda maior!




Tradicional

O origami tradicional utiliza uma folha de papel, sem cortes e sem o uso de cola.



Modular

Um origami é chamado de modular quando é construído a partir de vários pedaços. Assim, o origamista dobra pequenas peças para posteriormente encaixa-las formando o origami desejado.



Kusudama

Kusudama é um enfeite em forma de uma bola geralmente com algum pingente ou franja de fios e, que ficam normalmente pendurados enfeitando o ambiente. Ele faz uso da técnica do origami modular.

Nos seus primórdios, o origami kusudama estava associado com a cura e ervas medicinais, por causa disso, acabou ganhando este nome. Kuso, que significa remédio, e dama, que significa bola.




Block folding

É dobrar centenas de módulos em forma de triângulos e a partir daí criar peças tridimencionais com esses módulos. Os block folding mais populares são o pavão e o cisne.




Origami Tesselation

O Origami Tessellation funciona por meio de uma grade de linhas bases sendo essas grades figuras geométricas hexágonos, quadrados, triângulos, que formam figuras muito bonitas e interessantes em uma folha de papel.

Basicamente, seria o mesmo que desenhar em um papel utilizando apenas dobras. Requer muita concentração e habilidade, esse tessellation da foto é o Star Puff.




Wet Folding

É uma tecnica de fazer origami com o papel molhado. Consiste em passar uma esponja úmida ou borrifar água em um origami pronto para poder fazer curvas no papel e criar modelos mais vivos. Utiliza papéis grossos que são mais resistentes e aguentam diversas dobras quando úmidos.




Crease Pattern ou CP

Imagine que depois de dobrar uma peça de origami você resolva desdobrar tudo para ver como ficou o papel. As marcas que você vai ver formam o CP. CP é a abreviatura e Crease Pattern, do inglês, significa "Padrão de Dobras" ou "Padrão de Vincos".

Mas apesar da explicação ser simples, fazer um origami utilizando apenas o Crease Pattern (CP) não é para qualquer um.

Uma boa dica é ter um CP que pelo menos indique quais são as dobras vale e montanha. Depois é ficar tentando colocar aquelas dobras todas com algum sentido de modo a tornar aquilo, um origami e não um papel amassado qualquer. Para tanto temos que ficar olhando fotos de como é o modelo final, tentando extrair alguma informação que o CP não traz.




Kirigami:

Kirigami (Kiri=cortar + kami=papel), é uma variação do Origami, que em uma superfície de papel, ao receber cortes e dobras toma formas inesperadas. Esta arte, influenciada pelo Origami tradicional também é conhecida como POP-UP, 3D ou arquitetura em papel.




Paper Craft:

É um método de construção de objetos tridimensionais a partir de papel, semelhante ao origami. Contudo, distingue-se em que a construção geralmente é feita com vários pedaços de papel, e esses pedaços são cortados com tesoura e fixados uns aos outros com cola, em vez de se suportarem individualmente.

Uma vez que os modelos de papercraft podem ser facilmente impressos e montados, a Internet tornou-se um meio popular para a sua divulgação.




Oribana:

O Oribana é a junção de duas artes; a Ikebana, arte de arranjar as flores em estilo oriental e o Origami, a dobradura de papel. No Oribana tudo é confeccionado em papel: vasos, folhas e flores!


Além das variações citadas existem outras como: Orijouteria (Origami + bijuterias) e toilegami (Origami com papel higiênico).

Boas dobras! Obrigada pela visita ^^

3 comentários:

Emerson disse...

Muito bom!Parabens pelo post, estou fazendo uma dissertação sobre artes e o sub tema escolhi o origami e esse post me ajudou mt! Obrigado!

Kazue disse...

Parabéns !!! Seu Blog inteiro é lindo !^^b

Baú do Patch disse...

Parabéns, adorei, vou me aventurar com algo simples, e ver se consigo!

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...